sábado, 23 de novembro de 2013

Sebastião da Gama homenageado em concerto no aniversário do Coral Infantil de Setúbal



Logo à noite, pelas 21h00, o Forum Luísa Todi, em Setúbal, acolherá o concerto “O Poeta da Arrábida”, que celebrará o aniversário do Coral Infantil de Setúbal. A interpretação musical estará a cargo da Banda da Armada, dirigida pelo 1º Tenente Músico Délio Gonçalves, e a interpretação coral vai competir ao Coral aniversariante, ao Coro Feminino TuttiEncantus, ao Coro do Conservatório Regional de Setúbal e ao Coro de Câmara de Setúbal. O roteiro da obra é da responsabilidade de João Reis Ribeiro, com poemas de Sebastião da Gama, e a autoria da composição musical é de Samuel Pascoal.
A Associação Cultural Sebastião da Gama procedeu à edição do roteiro, um opúsculo de 30 páginas, que inclui os poemas de Sebastião da Gama seleccionados e as partituras dos poemas que abrem e fecham o concerto, respectivamente, “Pequeno Poema” e “O Sonho”.
Mas o concerto de hoje tem uma história subjacente…
Quando celebrou o seu 30º aniversário, o Coral Infantil de Setúbal pretendeu levar a cabo um concerto de encerramento desse ano, em 2010, que homenageasse um valor da região de Setúbal, escolhendo a figura de Sebastião da Gama.
O roteiro para essa celebração, bem como a respectiva composição musical, foram efectuados, mas, por razões logísticas, esta actividade não pôde ser levada a cabo. Só agora este evento é possível, associado a um outro aniversário do Coral Infantil de Setúbal, quando se começa a celebrar o seu 34º ano de existência.
Sabe-se que a figura de Sebastião da Gama ultrapassa o epíteto de “Poeta da Arrábida” (haverá poetas de algum lado que não seja o universo?), mas, para quem vive aqui, nas margens da serra, o nome do poeta e o da montanha são inseparáveis. Por isso, mantivemos a ideia no título deste roteiro, construído sobre a biografia e sobre poemas do homenageado, numa tarefa a que a Associação Cultural Sebastião da Gama se aliou com gosto desde o primeiro momento. Afinal, a poesia relaciona-se com a música… como estabelece pontes com o silêncio… como celebra o concerto da contemplação! E Sebastião da Gama sabia tudo isso!...


Sem comentários:

Enviar um comentário